terça-feira, 3 de maio de 2011

Mudanças para a certificação em grupo entram em vigor em julho

        
           A Rede de Agricultura Sustentável tem dois novos documentos que tratam da certificação em grupo e trazem mudanças importantes para os empreendimentos já certificados e para os que pretendem obter a certificação. Ambos, “Política sobre a Certificação de Grupos” e “Normas para a Certificação de Grupos” estão disponíveis na íntegra na página eletrônica do Imaflora.

A equipe do Imaflora que participou das discussões sobre as alterações está disponível para esclarecer dúvidas ou conversar a respeito e convida a todos para participar do encontro técnico sobre o tema, que acontece nos dias 12 e 13 de maio, às 9 horas, no auditório da ACIP, em Patrocínio, Minas Gerais.

            O primeiro documento traz informações importantes sobre o cumprimento das normas da Rede de Agricultura Sustentável, incluindo as condições necessárias para formar ou manter o grupo, alterações no sistema de pontuação e cancelamento da certificação.

As Normas foram bastante alteradas e passam a ter três pontos: Capacitação; Avaliação de Risco e Sistema Interno de Gestão. Baseadas nos padrões da ISEAL Alliance facilitam a integração das exigências da Rede de Agricultura Sustentável com outros sistemas de certificação que o empreendimento tenha ou venha a ter.

Os dois documentos passam a vigorar no dia primeiro de julho e devem facilitar o acesso dos pequenos produtores à certificação, que, além disso, ganham em gestão e em redução de custos.

Confira nos links abaixo os novos documentos que se tornam vigentes a partir de 01/07/11 e os demais que compõe o conjunto de Normas e Políticas da RAS:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe