quinta-feira, 2 de outubro de 2014

EM CADA REGIÃO, UMA ESTRATÉGIA



Fonte: Boletim nº 1 do Projeto Florestas de Valor


O projeto Florestas de Valor incide sobre territórios com grande diversidade social e ambiental e que sofrem diferentes tipos de pressão e ameaças. Calha Norte e Terra do Meio são as áreas com os maiores contínuos de floresta tropical do estado do Pará, enquanto que São Félix do Xingu é uma região onde atividades econômicas reduziram significativamente as florestas nas últimas décadas. Para cada região, os especialistas do IMAFLORA desenvolvem uma estratégia diferenciada, sempre construída com os atores locais.

Nas áreas já desmatadas, o projeto estimula a agroecologia, a restauração florestal e a melhoria na produção agrícola. Nas áreas de floresta em regiões de pressão ou ameaça, as atividades do projeto apoiam a geração de renda a partir da valorização dos produtos florestais não madeireiros, incentivando o uso responsável e a conservação da floresta. Os técnicos do IMAFLORA também atuam no interior e no entorno das Áreas Protegidas que existem nesses territórios, sempre pensando em amortecer os impactos e reduzir as ameaças à floresta.

O Imaflora iniciou sua atuação nesses territórios em 2004. Em 2009 passou a contar com o apoio do Fundo Vale e, desde 2013, o projeto Florestas de Valor tem o patrocínio da Petrobras, como parte do Programa Petrobras Socioambiental, um dos instrumentos da política de responsabilidade social da companhia.

Para conferir a primeira edição do boletim na íntegra, clique aqui.

_________

Sobre o projeto Florestas de Valor
O projeto Florestas de Valor existe para fortalecer as cadeias de produtos florestais não madeireiros, disseminar a agroecologia e conservar a floresta em três regiões do estado do Pará: na Calha Norte do rio Amazonas, na Terra do Meio e no município de São Félix do Xingu. O projeto apoia a implantação de sistemas produtivos responsáveis, conecta extrativistas e empresas na lógica do mercado ético e busca sensibilizar a sociedade para o consumo consciente de produtos florestais e para a conservação dos recursos naturais. Desde 2013, o projeto Florestas de Valor tem o patrocínio da Petrobras, como parte do Programa Petrobras Socioambiental, um dos instrumentos da política de responsabilidade social da companhia. Saiba mais em www.imaflora.org/florestasdevalor


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe