sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Empreendedor Social Apresenta Oito Finalistas De 2012





Entre 335 inscritos, de 24 Estados e DF, foram selecionados líderes socioambientais que se destacam por ações inovadoras e sustentáveis, de impacto positivo na sociedade. Em 7/11, serão revelados os vencedores, durante cerimônia de premiação no Masp, na capital paulista.

A 8ª edição do Prêmio Empreendedor Social e a 4ª edição do Prêmio Folha Empreendedor Social de Futuro terão seus vencedores revelados no dia 7 de novembro (quarta-feira), às 19 horas, em cerimônia de premiação no Masp (Museu de Arte de São Paulo), na capital paulista, com transmissão ao vivo pelo UOL e pelas mídias sociais da Folha. Dentre 335 inscritos, de 24 Estados e Distrito Federal, foram selecionados 5 líderes socioambientais para o Empreendedor Social e 3 para o Empreendedor Social de Futuro, de 6 organizações. Uma das novidades de 2012 é a categoria especial “Escolha do Leitor”, na qual o internauta pode votar com base em vídeos de um minuto gravados pelos finalistas.
O Prêmio Empreendedor Social, promovido no Brasil pela Fundação Schwab, em parceria exclusiva com a Folha de S.Paulo, valoriza líderes sociais que atuam há pelo menos três anos de maneira inovadora, sustentável e com forte impacto na sociedade e em políticas públicas, em áreas como agricultura, ambiente, cultura, desenvolvimento de negócios, educação, habitação, saúde. Concorrem a esse prêmio em 2012: Almir Suruí e Ivaneide Cardozo, da Kanindé Associação de Defesa Etnoambiental, de Rondônia; Cybele Oliveira, do Instituto Chapada de Educação e Pesquisa, da Bahia; Luís Fernando Guedes Pinto – Imaflora (Instituto de Manejo e Certificação Florestal e Agrícola), de São Paulo; e Antonio Sergio Petrilli – Graacc (Grupo de Apoio ao Adolescente e à Criança com Câncer), de São Paulo (leia resumos abaixo).
O Prêmio Folha Empreendedor Social de Futuro, realizado exclusivamente pela Folha de S.Paulo, reconhece e promove líderes sociais que atuam há, no mínimo, um ano e, no máximo, três anos, de forma inovadora, e que precisem de mais visibilidade para atingir ou consolidar a sustentabilidade de sua iniciativa, além de multiplicar seu impacto. Os finalistas de 2012 são: Fernando Botelho, da F123, do Paraná, e Mariana Madureira e Marianne Costa, ambas da Raízes Artesanato - Raízes Desenvolvimento Sustentável, de Minas Gerais (leia resumos abaixo).
“Os investimentos recentes que a Folha aportou no Empreendedor Social o lançamento do Prêmio Empreendedor Social de Futuro, em 2009, a criação da Rede Folha de Empreendedores Socioambientais, em 2011, a estruturação de uma editoria focada neste tema e, a partir deste ano, a introdução da categoria ‘Escolha do Leitor’ denotam o compromisso do jornal com a inovação social no Brasil, explica Sérgio Dávila, editor-executivo da Folha de S.Paulo. “Os resultados vieram com força em 2012: crescimento de 23% do número de inscritos em relação ao ano passado e a maior competitividade da história do concurso, em termos qualitativos”, avalia Dávila. De acordo com Abigail Noble, diretora para América Latina e África da Fundação Schwab, o calibre dos candidatos brasileiros continua a impressionar a entidade suíça. “Esses empreendedores sociais são exemplos de como um indivíduo ou grupo de indivíduos podem mudar o mundo. Esperamos que também inspirem outros jovens”, afirma.
Cerimônia de premiação
A partir das 19 horas, com um coquetel, começará a festividade de premiação no Masp. No local haverá exposição com fotografias dos projetos, assinada por Bruno Miranda e Renato Stockler. Além dos finalistas desta edição e das anteriores, estarão presentes representantes dos setores público e empresarial, acadêmicos e integrantes do terceiro setor.
Na sequência, haverá a abertura com a apresentação musical da Orquestra Jovem Heliópolis, projeto social do Instituto Baccarelli. A cerimônia passará então a ser conduzida por Cláudia Cotes, David Hertz e Fábio Bibancos, que integram a Rede Folha de Empreendedores Socioambientais. Antes do anúncio dos vencedores deste ano, a plateia assistirá a documentários sobre cada um deles. Finalmente, os troféus serão entregues aos vencedores de 2012 pelos ganhadores da edição 2011, a psicóloga Gisela Solymos, do Cren (Centro de Recuperação e Educação Nutricional), e Henrique Cardoso Saraiva e Phelipe Nobre, da Adaptsurf (Associação Adaptação e Surf).
Seleção rigorosa
A comissão julgadora de 2012 é formada por: Abigail Noble, economista, diretora para América Latina e África da Fundação Schwab; Armindo dos Santos de Sousa Teodósio, doutor em administração de empresas, professor da PUC-MG e especialista em gestão socioambiental; Daniela Mercury, cantora e compositora, embaixadora do Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) e do Instituto Ayrton Senna e presidente do Instituto Sol da Liberdade; Jayme Brasil Garfinkel, engenheiro civil, presidente do Conselho de Administração da Porto Seguro; Maria Cristina Frias, jornalista, com MBA em finanças, colunista da Folha; Roberto Kikawa, médico, empreendedor social 2010; Sheila Villas Boas Pimentel, psicóloga, presidente do Instituto Humanitare, que aproxima a sociedade civil aos temas propostos pela ONU (Organização das Nações Unidas); e Weder de Oliveira, advogado e engenheiro civil, ministro-substituto do TCU (Tribunal de Contas da União).
Antes da submissão ao júri, uma equipe da Folha passou 32 dias nas regiões de atuação dos empreendedores sociais finalistas, sabatinando não só o líder como sua família, sua equipe de trabalho e seus parceiros, patrocinadores e beneficiários. Foram mais de 200 entrevistas. Com esse material, foram elaborados para o júri um vídeo e um relatório de 212 páginas, analisando os candidatos pelos critérios dos concursos: inovação, sustentabilidade, impacto social, influência em políticas públicas, perfil, alcance/abrangência e efeito multiplicador.
R$ 350 mil em benefícios
Além de terem seus perfis publicados em caderno especial que circula nacionalmente na Folha de 8 de novembro e na Folha.com, finalistas e vencedores receberão mais de R$ 350 mil em benefícios, entre eles auditoria financeira, assessoria jurídica e bolsas de estudo no Brasil e no exterior, para cursos, congressos, seminários e MBAs. O ganhador do Prêmio Empreendedor Social também participará do Fórum Econômico Mundial para a América Latina em 2013 e da Reunião Anual do Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça, e comporá a Rede de Empreendedores Sociais de Destaque da Fundação Schwab. Já o vencedor do Prêmio Folha Empreendedor Social de Futuro, igualmente ao ganhador do Empreendedor Social, integrará a Rede Folha de Empreendedores Socioambientais.
Parceiros
Os prêmios sociais têm como parceiros: master Blue Tree, Ernst&Young Terco e TAM. O apoio estratégico é de Artemísia, Ceats/Fia, Escas/Ipê, IE Business School e ponteAponte. No apoio institucional estão: ABCR, Agora SP, Ashoka, Avina, Diálogo Social, Gife, Golfieri Reicher Storto, Iats, Instituto Gesc, UOL e Valor Econômico. A divulgação é de CEBDS, Dell, Endeavor, Envolverde, FGV/GVCenn, Filantropia, Neurônio, P&B Comunicação e sitawi.

FINALISTAS DO PRÊMIO EMPREENDEDOR SOCIAL 2012 – Iniciativa da Fundação Schwab e da Folha
Almir Suruí, 38, líder indígena, e Ivaneide Cardozo, 54, da Kanindé Associação de Defesa Etnoambiental, de Rondônia - buscam o fortalecimento dos direitos dos povos indígenas, atuando no desenvolvimento sustentável da Amazônia. Site: www.kaninde.org.br
Cybele Oliveira, 45, pedagoga, do Instituto Chapada de Educação e Pesquisa, da Bahia – trabalha em prol da erradicação do analfabetismo, promovendo a formação de leitores e escritores autônomos no ensino fundamental. Site: www.institutochapada.org.br
Luís Fernando Guedes Pinto, 41, engenheiro agrônomo, da Imaflora (Instituto de Manejo e Certificação Florestal e Agrícola), de São Paulo – lidera iniciativa que potencializa a conservação de recursos naturais por meio de certificações socioambientais e apoio a projetos de comunidades rurais e povos da floresta. Site: www.imaflora.org
Antonio Sergio Petrilli, 66, médico, do Graacc (Grupo de Apoio ao Adolescente e à Criança com Câncer), de São Paulo – está à frente desta organização que oferece tratamento de alta qualidade a crianças e adolescentes com câncer e sem recursos financeiros. Site: www.graacc.org.br

FINALISTAS DO PRÊMIO FOLHA EMPREENDEDOR SOCIAL DE FUTURO 2012 – Iniciativa da Folha
Fernando Botelho, 42, sociólogo, da F123, do Paraná – criou um software livre de baixo custo que possibilita a integração de pessoas cegas e com baixa visão à sociedade e ao mercado de trabalho. Site: www.f123.org
Mariana Madureira, 30, e Marianne Costa, 29, turismólogas, da Raízes Artesanato - Raízes Desenvolvimento Sustentável, de Minas Gerais – idealizaram este negócio social que, por meio de turismo de base comunitária e artesanato, promove geração de renda e desenvolvimento local. Site: www.raizes.tur.br

Vencedores do Prêmio Empreendedor Social
2011: Gisela Maria Bernardes Solymos, CREN (Centro de Recuperação e Educação Nutricional) - São Paulo (SP)
2010: Roberto Kikawa, Projeto Cies (Centro de Integração de Educação e Saúde) – São Paulo (SP)
2009: Claudio e Suzana Padua, Ipê (Instituto de Pesquisas Ecológicas) – Nazaré Paulista (SP)
2008: André Albuquerque, Terra Nova - Curitiba (PR)
2007: Tião Rocha, CPCD (Centro Popular de Cultura e Desenvolvimento) - Belo Horizonte (MG)
2006: Fábio Bibancos, Turma do Bem - São Paulo (SP)
2005: Eugenio Scannavino Netto, Projeto Saúde & Alegria - Santarém (PA)

Vencedores do Prêmio Folha Empreendedor Social de Futuro
2011: Henrique Cardoso Saraiva, Luana Nobre e Phelipe Nobre, Adaptsurf (Associação Adaptação e Surf) - Rio de Janeiro (RJ)
2010: Wagner Gomes, Adel (Agência de Desenvolvimento Econômico Local) – Pentecoste (CE)
2009: David Hertz, Gastromotiva – São Paulo (SP)

Fonte:

ASSESSORIA DE IMPRENSA:
P&B Comunicação
tel. (11) 9 6291-1985
E-mail:
empreendedorsocial@uol.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe